História, função social, missão, etc

História, função social, missão, etc

Compartilhe isso !

História do GGM


200000048

A história do Grupo Granito de Montanhismo (GGM) surgiu no decorrer dos anos 80, com a interação de algumas crianças moradores do Jardim Catarina, que se reunia em um terreno baldio (apelidado de campinho) do mesmo bairro para realizar brincadeiras como futebol, pista de obstáculos com cordas, pneus velhos, e brincadeiras de bicicross e suprir suas carências de lazer no bairro que era abandonado pelas instituições e o poder público.

Com passar dos anos, amizade tornava-se cada vez mais intensa, as brincadeiras mais frequentes e diversificadas, passando a existir o hábito de buscar lazer em outras áreas como cachoeiras, praias e parques florestais, indo acampar até também nestes locais. Com isso os jovens fundam o grupo em 1984, mas com um nome diferente: O Clube Esportivo Campinho.

Observando a complexidade das atividades que estes meninos até então estavam realizando, o cabo do Exército e do Pelotão de Operações Especiais, Antônio Salles Machado, chamado carinhosamente de “Toninho”, passa a ensinar técnicas de aprimoramento físico, de rusticidade para atividades pesadas e também educando-os com um caráter baseado no civismo e nas boas maneiras.

Em 1986 um jovem recém-casado, o ex-militar membro do grupo de elite do 32º Batalhão de Infantaria motorizada SUOPS( CAÇADOR), atual 1º Regimento Imperial, Sérgio dos Reis Pereira, interessando-se nas atividades realizadas pelos jovens, assume o grupo para realizar atividades com um maior grau de dificuldade e técnica, como escalada e o trekking de montanha. Neste mesmo ano, Sérgio sugere a mudança de nome de C.E.C. para Grupo Granito de Montanhismo, adotando também símbolos, lemas, pequenas funções e cargos.

No final de 1986, desaba no estado do Rio de Janeiro fortes tempestades de verão, Sérgio solícito as aflições decorridas deste infortúnio, oferece ajuda do grupo às autoridades locais, o que ajuda a despertar o sentimento, o interesse e o compromisso dos integrantes em contribuir humanamente e efetivamente para situações de risco decorrente destas calamidades.

Com isso o GGM passa a estabelecer metas de treinamento, testar os primeiros uniformes, adquirindo equipamentos (todos usados e por meio de doações), unindo conhecimento civil e militar para aperfeiçoamento. É adotado o Turno de Instrução Básica do Granito, a fim de formar jovens com um conhecimento mínimo básico e uma vez formado receber o direito de usar a Camisa Preta, o maior símbolo do nosso grupo.

A partir de 1992, Rui Alexandre Nogueira da Cruz assume a responsabilidade de liderar o GGM, continuando o processo. Neste período ele foi substituído como presidente, alternado esta função até os dias de hoje.


O que é GGM ?

     O Grupo Granito de Montanhismo é a mistura de Brancos, Negros, Índios, Homens, Mulheres, Adolescentes e Crianças de todas as classes e crenças. Nada mais, nada menos que uma pequena parcela do que representa o nosso povo.

     Uma força solidária, vibrante, unida e vitoriosa. Em nosso grupo, valorizamos os méritos, as idéias e as ações.

     É essa força coletiva – “Um por todos e todos por um” – que tem feito do Grupo Granito de Montanhismo uma pequena força à altura dos ideais para a construção de um mundo melhor.

     Nós somos o Grupo Granito de Montanhismo!
 

A força de nossa força

     Há coisas na vida que foram feitas mais para serem sentidas do que explicadas. Por exemplo: ser do Grupo Granito de Montanhismo

     Se perguntarem o que leva um ser humano a entregar-se a sacrifícios sabendo que não receberá a mínima recompensa senão sentir-se realizado pelo dever cumprido;

     O que o leva a escalar montanhas;
     Saltar de pára-quedas;
     Meter-se na mata;
     Rapelar cachoeiras e precipícios;
     Cruzar pântanos;
     Deslocar-se em rios;
     Mergulhar em mares e cavernas;
     Vencer distâncias;
     Aventurar-se de dia ou de noite, faça chuva ou faça sol, frio ou calor;
     Arriscar a própria vida para salvar vidas de pessoas desconhecidas;

     Ir ao auxílio de um amigo a qualquer hora, em qualquer lugar, indo a toda parte, sem fraquejar e sem reclamar de nada?

     Impossível responder! Afinal, ser um integrante do Grupo Granito é um estado de espírito… vale a pena ser Granitense!!! Vale a pena ser do Grupo Granito de Montanhismo!


Função Social do GGM

      No mundo em que vivemos deterioram-se cada vez mais as condições básicas de vida, em todas as classes, tanto no campo e nas cidades, tornando a essa população desprovida de qualquer mecanismo de defesa.

A perversidade da renda concentrada aliada a outros fatores, tem conferido aumentos progressivos da violência, principalmente urbana, criando um sentimento de impotência diante da mudança desta situação.

     Neste quadro o GGM se apresenta com uma alternativa, inicialmente com uma função social na medida que atua como inibidora dessas discrepâncias sociais que se reproduz ao nosso redor em geral. Concentramos esforços no sentido de ensinar e orientar crianças, jovens e adultos, de que o com direito de cidadania ameaçado, o homem se situa isolado em seu próprio mundo.

     Neste sentido concentramos os nosso trabalhos basicamente em três áreas:

     A administração de atividades extra-classes no campo: Passeios, jogos e acampamentos;

     A informação: Orientação e palestras;

     As campanhas em prol da comunidade: Prática da solidariedade.


Missão do GGM

200000048
O GGM em um dos seus objetivos, tem por missão compartilhar para todos os membros benesses do esporte montanhismo ( para escalada ou caminhada), mesmo sabendo que é um esporte técnico e de equipamentos básicos dispendiosos.

A nossa filosofia é está baseada em poder proporcionar aos integrantes acesso à este esporte, mesmo que o membro não possua meios financeiro para praticá-lo. Por isso nós aceitamos pessoas de todas as classes sociais principalmente a membros de áreas carentes e de risco social.


Como se mantém o GGM?

     O GGM é mantido principalmente pelo apoio de colaboradores. Se você também deseja ser um colaborador clique aqui.

 

Compartilhe isso !

Compartilhe isso !